Notice: Constant DATE_RFC7231 already defined in /chroot/home/agapitoc/agapito.com.br/html/revista/includes/bootstrap.inc on line 258 A história do Mustang | Revista Agapito

A história do Mustang

O Ford Mustang foi o carro de maior sucesso dos anos 60 e acabou se tornando um ícone da indústria automotiva, idealizado por Lee Iacoca, popularizou o segmento dos pony-cars que eram carros esportivos voltados para o público jovem e com pouco poder aquisitivo. O concept car surgiu em 1962, era um roadster com motor central, mas o modelo final apresentado em 1964 tinha a base do Ford Falcon com 4 lugares e o tradicional motor dianteiro, possuia 3 modelos de carroceria (hardtop, conversível e depois o fastback).
O carro causou tamanho furor que se tornou uma epidemia nacional levando a Ford a aumentar a expectativa anual de vendas de 100 mil a 250 mil, mesmo assim vendeu 100 mil unidades em 4 meses e em 1966 atingiu a marca de 1 milhão de unidades vendidas.
Em 1965 foi apresentado o Mustang Shelby GT350, preparado por Carrol Shelby ele entregava 306 hps. Em 1968 o motor o V8 289 foi substituído pelo nosso conhecido 302. Em 1969 após uma restilização o modelo começa a ficar maior e mais versões esportivas como a Boss e a Mach I.
O Mustang de 71 era ainda maior e mais pesado, esse modelo ficou conhecido em filmes como 007 Diamantes são eternos e na versão setentista de 60 segundos como Eleanor.
Em 1974 por causa da crise do petróleo o novo Mustang mudou totalmente, compartilhando a plataforma com o Ford Pinto era bem menor que a geração anterior e pela primeira vez não oferecia um motor V8, mas as versões Boss e Mach 1 voltaram 2 anos depois.
Em 1979 o novo Mustang (plataforma Fox) já com linhas mais retas que seriam típicas dos anos 80,  oferecia várias versões de motores incluindo uma versão 4 cilindros de 2300 cilindradas (motor que era importado do Brasil). Sofreu uma restilização em 1987 e ganhou um fôlego nas vendas.
A popularidade do Mustang não era a mesma nos anos 90 e seu fim de produção já estava cogitado, até que em 1994 ganhou uma nova chance com a quarta geração que tinha um estilo mais marcante, mas foi o último ano do motor 5.0.  Em 2000 uma restilização e uma versão SVT Cobra R com 385 hps, além de um câmbio com 6 marchas.
A quinta geração surgiu em 2005 com ares de releitura, este modelo fez tanto sucesso que fez as concorrentes GM e Chrysler ressuscitarem o Camaro e Challenger nessa nova onda retrô.
A sexta e atual geração (2015) tem um conceito mais global, com a ambição de ser aceito principalmente na Europa, o Mustang volta a oferecer um motor 4 cilindros (Ecoboost), além de um V6 e o V8 (Coyote).  Outra novidade ficou por conta da nova suspensão traseira independente.

Ford Mustang V8
  • Comentários

0 Comments:

CAPTCHA
This question is for testing whether or not you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Scroll to Top